Andrzejki

Andrzejki são bastante populares na Polônia, antigamente chamados jędrzejówki - noite das adivinhações, na noite de 29 para 30 de novembro. A festa cai na véspera do dia de Santo André, o Santo padroeiro da Grécia, Rússia e Escócia.

 “Na festa de Sto. André as moças

têm esperança nas adivinhações”.

 

 A primeira menção polonesa sobre este costume surgiu em 1557, na “Comédia de Justina e Konstancja”. Esta brincadeira divertida das moças tinha que revelar para elas não só o nome e a aparência aproximada do futuro marido, mas também de que parte do mundo viria o amado. Há muito tempo as previsões eram um elemento cultural importante de várias celebrações. Apesar da adoção do cristianismo, as crenças e os ritos pagãos sobreviveram por muitos séculos. Os arcaísmos daqueles tempos são preservados até hoje no nosso folclore. No entanto, deve-se salientar que, oficialmente as previsões foram abandonadas e hoje em dia o cristianismo as condena. Foram mantidas apenas aquelas aparentemente inocentes e que são parte residual de nossa tradição. As práticas polonesas quanto a este tema, na verdade, não são significativamente diferentesdaquelas conhecidas em outros países europeus. Um exemplo é a cartomancia com cartas ou folhas de chá. Um argumento para fazer uma adivinhação pode ser: umespirro... prosperidade; coceira nos olhos... a tristeza se aproxima; orelhas quentes... alguém fala de nós; um soluço... lembrança carinhosa; coceira na mão direita... cumprimento, na mão esquerda entrada de dinheiro. Comumente também se faz previsões com plantas – trevo de quatro folhas, espiga dupla de cereais, folhas de acácia, flores de camomila, assim como com as “estrelas cadentes”.  Na festa de Santo André costuma terminar o ano da litúrgico. Este apóstolo nasceu no séc. I da nossa era, em Betsaida na Galiléia. Acima de tudo, foi Santo padroeiro dos Duques de Borgonha, que abraçaram a sua cruz como emblema de toda a Borgonha. Já era venerado no séc. IV. Pensava-se que a noite de Sto. André (29/30 novembro) é o momento mais adequado para tomar decisões importantes na vida. Sto. André era protetor de muitos grupos sociais, entre outros: os distribuidores de água, pescadores, mineiros e marinheiros. Mas era também o ‘destinatário’ de uma grande quantidade de orações de jovens que pediam um bom casamento. Quando se trata de previsões, o derramar cera gozava de grande sucesso. E assim é hoje. As moças derramam cera fluida em uma bacia com água. Cria-se uma forma solidificada que forma sombra após remover da água.De seu formato prevê-se o futuro e lê-se uma data próxima ou distante do casamento.

A interpretação e a explicaçãosobre estas figuras sólidas são explicadas pelos símbolos: anjo ou imagem alada – uma boa notícia; portão ou porta –um novo caminho de vida; uma árvore ou flor – boa sorte; um vaso – indicação de saúde; frutas – prosperidade. É claro que todas as moças sonham com um palácio que é sinal deum príncipe encantado.  Outro costume de Andrzejki era provar uma maçã. Antes de ir dormir a moça deveria morder esta fruta do paraíso e colocava-a embaixo do travesseiro. Fazia-o com fé de que o amado virá experimentá-la também .... ou, ao menos, que nesta noite sonhará com ele.  Além de derramar cera, são populares até hoje as previsões feitas com sapatos. Reunidas em um cômodo as moças colocam seus sapatos uns atrás dos outros em fila.

O sapato daquela que mais rápido encontrar-se na soleira daporta, vai casar em breve. Outra forma de diversão de Andrzejki é atirar um sapato sobre a cabeça. Se ele cair com a sola virada para o chão e a ponta na direção da porta significa deixar rápido a casa da família.Antes do advento Andrzejki é o tempo de danças e brincadeiras, durante o qual são servidos, com frequência, docinhos e bebidas leves. 

inf,fot: internet